Imagem
Insuficencia cardiaca

Insuficiência cardíaca é uma situação muitas vezes dramáticas, principalmente em sua fase final, quando não responde adequadamente ao tratamento clínico habitual.

Trata-se de um crescimento das câmaras cardíacas em decorrência do crescimento desordenado das fibras musculares e contratilidade bastante diminuída, fazendo com que o coração perca progressivamente sua função de bomba, deixando de irrigar adequadamente os órgão do corpo causando um sofrimento crônico, principalmente dos órgão alvos, como cérebro e rins.

Praticamente todas as doenças do coração, podem levar a um quadro final de ICC, porém, as mais frequentes são as doenças valvares aórtica e mitral, a insuficiência coronariana, o infarto do miocárdio, a hipertensão arterial sistêmica, as doenças restritivas, infiltrativas e outras patologias extra-cardíacas como o hipotireoidismo e etc. Há também as chamadas causas idiopáticas (não identificadas) e as viroses.

Os primeiros sintomas podem esta relacionados ao cansaço fácil, progressivo, cada vez mais frequente em esforços menores; pode ter como primeiro sinal uma tosse seca, às vezes relacionada ao esforço, às vezes de decúbito. Pode também, ter como sintoma mais facilmente percebido o acordar pela madrugada com sensação de sufocação, muitas vezes tendo que sentar-se ou levantar-se para que obtenha melhora.

A inchação, tão temida pelas pessoas, é quase sempre um sinal tardio do comprometimento cardiovascular, e muitas vezes está  mais associado a alteração circulatória local ou de drenagem linfática deficiente ou comprometimento pulmonar em pessoas portadoras de DPOC, enfisema e insuficiência respiratória de varias naturezas.



Para refletir:

"Portanto agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o espirito." Rm 8:1